Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor



currently-reading


goodreads.com



Opinião | Mulherzinhas

por Alexandra, em 26.12.16

mulherzinhas2.jpg

Título: Mulherzinhas

Autor: Louisa May Alcott

Editora: Guerra e Paz

 

Após a leitura de Mulherzinhas, de Louisa May Alcott, senti um misto de sentimentos: fiquei com imensa pena de não o ter lido na minha juventude, já que tem várias mensagens importantes e que se adaptam a diversos tipos de personalidades, no entanto, senti que, apesar dos meus 26 anos, consegui captar a essência do livro e que este me tocou de uma forma especial, pois identifiquei-me bastante com a Jo (Josephine March), considerada um alter ego da autora. 

 

Mulherzinhas acompanha a vida de quatro irmãs, ao longo de pouco mais de um ano, numa época conturbada das suas vidas, em que o pai partiu para a guerra. O desenvolvimento das suas personalidades e modos de ver a vida são notórios e torna-se impossível não ficarmos felizes pelas suas conquistas e aflitos com os seus problemas. Apesar de ser perfeitamente claro que o livro se destina a um público mais jovem, é inegável a qualidade da escrita de Louisa May Alcott e a importância deste livro neste tipo de público. O único ponto negativo que consigo assinalar neste livro é o final, que achei demasiado rápido. No entanto, ainda temos Boas Esposas para acompanhar as próximas aventuras da família March, em mais uma edição espectacular da Guerra e Paz, quem sabe para ler em Dezembro do próximo ano.

 

Pontuação: 4

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estou a ler: Mulherzinhas

por Alexandra, em 14.12.16

mulherzinhas.jpg

Quando foi publicada esta edição pela Guerra e Paz senti imediatamente que precisava de ter este livro. Não o li em adolescente, mas pareceu-me que ainda não era tarde de mais para o fazer, até porque este livro está incluído no projecto 1001 Livros para Ler Antes de Morrer. Até agora está a ser uma leitura muito agradável e parece que se criou um clima perfeito entre este livro, Gilmore Girls, o tempo de Dezembro, convidativo a mantas, sofá e bebidas quentes, e a chegada do Natal. Não podia ter escolhido melhor altura.

 

Julgo que o livro dispensa apresentações, mas aqui vai: quatro irmãs e a mãe passam por tempos complicados devido à partida do pai para a guerra e ao aparecimento de dificuldades económicas. Estou a gostar particularmente da relação entre as irmãs, cada uma com as suas características muito próprias, mas que se adoram e entreajudam de forma espantosa, mostrando uma união muito forte e estou certa de que esta se tornará ainda mais evidente com o avançar do livro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor



currently-reading


goodreads.com